18 de Nov de 2017
corinthians-vence-sao-paulo-na-arena-segue-invicto-e-lider-do-brasileirao

Timão recua no fim, mas segura o placar contra o rival e vai a 16 pontos em seis jogos. Tricolor perde uma posição e está em oitavo lugar

Por: Igor
12 de Jun de 2017
79

O líder do Campeonato Brasileiro fez mais uma vítima neste domingo. Dessa vez, quem caiu na arena de Itaquera foi o São Paulo, que, apesar da reação no fim, não conseguiu superar os donos da casa. Com a vitória por 3 a 2, o Timão se consolida na ponta, com 16 pontos em seis jogos. São cinco vitórias e um empate. A equipe de Fábio Carille é a única que ainda não perdeu na competição.

Já o São Paulo, fica com nove pontos e cai para a oitava posição. O time de Rogério demonstrou vontade no Majestoso, mas tropeça em problemas técnicos. O elenco é limitado, e o treinador ainda não conseguiu dar uma identidade tática à equipe. Foi o quinto Majestoso no ano, com duas vitórias corintianas e três empates. O Tricolor segue sem conseguir vencer no estádio rival.

Parecia que o Timão atropelaria. Chegou a ter 74% de posse de bola. Acuado, o Tricolor não passava do meio-campo. Até que passou. E chegou ao empate, aos 17. Em cobrança de falta de Júnior Tavares, Gilberto subiu livre e desviou, tirando a bola do alcance de Cássio.

Com o empate, o jogo se tornou mais equilibrado, com o São Paulo mais adiantado, sem sofrer tanta pressão e até criando chances de gol. Quando o torcedor tricolor já respirava mais aliviado, veio a falha grosseira de Maicon. O zagueiro errou passe na saída e entregou a bola para Jô. O atacante avançou, chutou cruzado, Renan Ribeiro deu rebote, Lucão não conseguiu cortar e Gabriel marcou, aos 40.

No segundo tempo, Rogério Ceni mexeu no esquema do São Paulo, tirando o zagueiro Lucão e colocando o lateral-direito Bruno. O Tricolor passou a jogar no 4-3-3. A mudança tática não surtiu efeito imediato. O Corinthians, mesmo sem ser tão intenso quanto no primeiro tempo, seguiu controlando o jogo.

Aos 17, após boa tabela com Romero, Jô foi derrubado por Douglas na área. Pênalti, que Jadson bateu bem para ampliar a vantagem.

Após o terceiro gol, porém, o Corinthians relaxou e deu espaço para o São Paulo jogar. Aos 38, Júnior Tavares cruzou para Wellington Nem marcar o segundo. Os visitantes, empolgados, foram para o abafa, ocuparam o campo de defesa do rival e apertaram muito. Não conseguiram, porém, o empate.

 

Globo Esporte


commentários

Create Account



Log In Your Account