18 de Nov de 2017
eleicao-para-o-senado-em-alagoas-pode-apresentar-duas-surpresas

Por: Igor
31 de Out de 2017
115

A eleição para o Senado em Alagoas, em 2018, não deverá repetir os últimos pleitos, quando apenas nomes de projeção nacional entraram na briga.

As especulações, com ótimas chances de vingarem, apontam para novidades que trarão desassossego – se confirmados – ao trio Renan, Biu e Téo (sem contar com Marx Beltrão, outra aposta considerável).

Eis que o PSDB ainda pode apresentar para esta disputa o nome do deputado Rodrigo Cunha, contrariando, por óbvio, o desejo dos vilelistas, ainda comandando o partido em Alagoas.

Outra opção viria da chamada “sociedade civil”, de setores que se articulam para lançar um concorrente ao trio que já acumula experiência e mandatos. Já se especulou o nome do PGJ Alfredo Gaspar de Mendonça, condição que ele tem rejeitado com veemência.

Fato concreto: Renan, Biu e Téo querem que as duas vagas fiquem com eles – como “sempre” tem sido.

A ordem é: evitar surpresas.

 

Ricardo Mota, TNH1


commentários

Create Account



Log In Your Account