Banner Rádio Hebrom
22 de Jan de 2018
estudantes-do-ifal-santana-se-destacam-pela-3-vez-em-competicoes

Por: Igor
09 de Jan de 2018
29

Conquistar medalhas nas Olimpíadas de Matemática já virou rotina por aqui. Nos últimos anos, o trabalho de formação e preparação para competições científicas tem levado nossos alunos a alçar voos mais altos.

Com toda essa projeção, em 2017 foi realizada a I Olimpíada Regional de Matemática em Santana do Ipanema, idealizada pelos professores André Carlos Nascimento (IFAL – Campus Santana), Claricy Alves (Rede Estadual), Davi Lima (UFAL) e Krerley Oliveira (Coordenador da Olimpíada Alagoana de Matemática).

 
Pensada para homenagear a Bienal do Livro em Alagoas, a competição ranqueou as melhores notas, considerando a segunda fase da OBMEP 2017. No fim de dezembro, a solenidade de premiação levou alegria ao município vizinho, Poço das Trincheiras.  Mas foi a solenidade ocorrida no Campus Santana que coroou o feito de três alunos da casa: José Ranielson Araújo, Clelber Vasconcelos e Thatiane Soares figuraram, novamente, entre os melhores da competição.

O evento contou com a participação do professor Krerley Oliveira, cujo reconhecimento na área transpôs os limites nacionais. Com a palestra “Os 15 anos da Olimpíada Alagoana de Matemática”, o convidado abriu a cerimônia de premiação, que contou, ainda, com a presença do Diretor do Campus, Gilberto Neto, que destacou em sua fala o trabalho realizado pelos docentes na instituição e parabenizou os vencedores e familiares, presentes na ocasião.

Além dos idealizadores, a mesa de honra contou com a presença do professor Alexandre Cavalcante, também do Campus Santana. Ao lado de André Carlos, o docente foi essencial para o envolvimento dos alunos com as competições científicas. Os trabalhos deles levaram, inclusive, duas equipes da instituição a se destacarem na Batalha Matemática, dentro do MatFest, o maior evento matemático do estado de Alagoas.

A premiação 

Na premiação do nível I (Ensino Fundamental do 1º ao 5º ano) um momento de emoção: a medalhista de ouro, Maria Luiza Gomes da Costa, recebeu a medalha do pai, professor de Matemática. A cena pode provar que santo de casa faz milagre sim!

No nível II (Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano), a medalha de ouro ficou com o estudante Robert Rodrigo Costa, da Escola Estadual Laura Maria Chagas, que já havia se destacado nas edições nacional e estadual da OBMEP.

A entrega das medalhas do nível III (Ensino Médio) – única modalidade que contou com a participação dos alunos do Ifal – premiou José Ranielson Araújo com o topo mais alto do pódio. Com o ouro, o estudante fechou o ano com a terceira premiação pela participação nas competições. A prata ficou com Clelber Vasconcelos, que também terminou o ano com três premiações. A estudante Thathiane Maria recebeu menção honrosa, garantindo, também, seu terceiro destaque somente em 2017.

 

Ifal


commentários

Create Account



Log In Your Account